A DRAMÁTICA HISTÓRIA DA CANÇÃO JEREMY, DO PEARL JAM

A HISTÓRIA DE JEREMY, DO PEARL JAM

Muita gente sabe que a letra de “Jeremy”, hit incontestável do primeiro álbum do Pearl Jam, fala de bullying e suicídio. Muitos também sabem que foi escrita a partir de uma história real. Mas que história exatamente foi essa? Assista esse clipe legendado e leia a matéria:

Jeremy Wade Delle era um menino de 15 anos, caladão, que estudava há pouco mais de 4 meses na  Richardson High School. Foi descrito pelos seus colegas de aula como “muito tímido” e era conhecido por sempre aparentar que estava triste. No fatídico dia chegou à aula levemente atrasado. A professora solicitou que ele buscasse uma autorização da diretoria para ingressar à aula.

O retorno do calado Jeremy à classe deu tom ao dramático refrão da canção; “Jeremy falou na aula de hoje”.  Jeremy voltou para a classe com uma arma e logo ele, que nunca dizia nada, falou: “Senhorita, eu peguei o que tinha ido buscar”, colocou o cano da arma na boca, e puxou o gatilho antes que a professora ou alguém de sua turma pudessem fazer alguma coisa.

O próprio Vedder explicou sua motivação ao ler uma pequena nota em um jornal: “Veio de um pequeno parágrafo em um papel, significando que você se mata e faz um sacrifício como forma de vingança. É só o que você vai conseguir, um parágrafo no jornal. Dezessete graus e nublado numa vizinhança suburbana. Esse é o começo do clipe, que é igual ao final do clipe, nada acontece … nada muda. O mundo continua e você se foi. A melhor vingança é viver e provar que você consegue. Seja mais forte que aquelas pessoas. E aí você poderá voltar.”

A outra história na qual a música é baseada, envolve um estudante que Vedder conheceu no ginásio em San Diego, Califórnia. Vedder disse em 91: “Quando eu estava no ginásio, em San Diego, Califórnia, eu conheci uma pessoa que fez a mesma coisa, só que ele não se matou, mas acabou dando uns tiros numa turma de oceanografia. Eu me lembro de estar nos corredores e ouvir a respeito, e eu realmente havia implicado com o rapaz no passado. Eu era um quinto-anista bem rebelde e acho que brigamos ou algo assim. Então é um pouco sobre um garoto chamado Jeremy e é também um pouco sobre um garoto chamado Brian”.

“Me lembro claramente, Perseguindo o garoto, parecia uma sacanagem inofensiva”; “Mas nós libertamos um leão, que rangeu os dentes”.

Assista ao clipe oficial:

Depois de “Jeremy”, Pearl Jam parou de fazer clipes. “Daqui dez anos”, segundo Ament: “Eu não quero que as pessoas se lembrem das nossas canções como vídeos”. A banda só lançou outro vídeo em 1998, “Do the Evolution“, que é uma animação.

Assista ao clipe original, independente, não aprovado pela gravadora:

About the Author: baudorock

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *