O dia em que a música morreu: 59 anos da tragédia que abalou o rock.

O dia em que a música morreu

No dia 03 de fevereiro de 1959, um pequeno avião (Beechcraft Bonanza B35, fabricado em 1947), caiu nas proximidades da cidade de Clear Lake, no estado de Iowa, Estados Unidos. Nele, além do piloto Roger Peterson (de apenas 21 anos), estavam Buddy Holly, Ritchie Vallens e “The Big Booper”, três grandes nomes do rock n’ roll tradicional.

Eles participavam da turnê denominada “The Winter Dance Party“, que deveria passar por 24 cidades da região centro-oeste dos Estados Unidos em apenas três semanas. Em razão de uma falha no planejamento, os músicos tiveram problemas com o transporte entre as cidades, uma vez que não foi considerada a distância entre as mesmas no agendamento dos shows.

Após o evento em Clear Lake, Buddy Holly enfrentou problemas com o ônibus que os levava, tendo decidido fretar um avião para levá-los à próxima cidade da turnê, Moorhead, no estado de Minnesota. Foi então que Holly contactou o piloto Roger Peterson, que trabalhava pela empresa “Dwyer Flying Service”em uma cidade próxima.

O voo decolou às 0h55 do horário local e apenas cinco minutos depois perdeu contato com a torre. Os destroços da aeronave, juntamente com os corpos dos músicos e do piloto, foram encontrados somente pela manhã, após um voo de reconhecimento realizado pelo dono da aeronave.

A inspiração para um sucesso:

A tragédia ficou conhecida como “o dia em que a música morreu” e foi eternizada por Don Mclean em sua consagrada canção “American Pie” , em que conta de forma profunda a grande importância dos músicos à época, que estavam com as carreiras em pleno vapor à época da tragédia.

A canção, de longa duração, foi um grande sucesso mundial e chegou a ser regravada em diversas oportunidades por artistas de vários gêneros musicais, com destaque para a gravação de Madonna, em março de 2000.

Abaixo você pode conferir um vídeo legendado com a canção original de Don Mclean:

Relembre  “Oh Donna” do Ritchie Vallens:

Relembre um dos grandes hits de Buddy Holly:

Baú do Rock

About the Author: Tomaz Sussekind