Foo Fighters encerra a noite de sábado em show que teve até pedido de casamento no palco

Em duas horas de um show cheio de hits, um público de 100 mil roqueiros saiu da Cidade do Rock de alma lavada

Foo Fighters no Palco Mundo. Foto: Wesley Allen.

Existem bandas e bandas de Rock, mas poucas podem ser classificadas com o rotulo “Banda de Arena”, o Foo Fighters é uma delas.

Com muita propriedade, maturidade e entrosamento devido ao tempo e experiência, o grupo liderado por Dave Grohl tem todos os requisitos para fazer um grande show de arena. Era um pouco mais de meia noite quando a banda headliner da noite subiu ao Palco Mundo para 2 horas de Rock da melhor qualidade. Dave Grohl foi o rei da noite! Antes mesmo do FF subir ao palco, Dave já havia sido de certa forma reverenciado pelas bandas anteriores que tocaram musicas de sua antiga banda Nirvana, sendo o Tenacious D em Smells Like Teen Spirit e o Weezer com o cover de Lithium. Dave chegou a comentar que ouviu do backstage a homenagem e se emocionou, além de relembrar a sua primeira vez no Rio em 1993 com o Nirvana na Praça da Apoteose, dentro do extinto festival Hollywood Rock.

O Show foi muito parecido com o apresentado na ultima vez que eles vieram ao Rio para uma apresentação no Maracanâ, não somente no repertorio escolhido como também nas falas de Dave Grolh que perguntava ao publico quem estava ali pela primeira vez no show da banda e quem já tinha visto em outra ocasião. Outra fala repetida foi quando Grohl disse que iria tocar faixas de todos os álbuns da carreira. Outro momento já esperado no show e quando Dave assume as baquetas, relembrando seu tempo de baterista, enquanto o baterista Taylor Hawkins assume os vocais para cantar Under Pressure do Queen.

Antes da canção, Hawkins ainda “brincou de Freddie Mercury” ao parodiar aquela famosa performance interativa entre cantor e publico, porém trocando o grito de “Eeee Oooo” por “Riiiioooo”

Foo Fighters no Palco Mundo. Foto: Wesley Allen.

Outra coisa já rotineira nos shows do Foo Fighters é quando Dave chama alguém do publico para subir ao palco. Mas desta vez, o jovem sortudo que foi convidado ao palco não tocou junto com a banda. O convidado abriu um cartaz para pedir sua noiva em casamento. Dave então convidou a moça ao palco.

O Foo Fighters entrou em campo para ganhar de goleada, mesmo com cansaço, frio, chuva, o publico sempre arrumava mais energia para curtir o show. No final, era notória a alegria dos roqueiros que voltaram pra casa de alma lavada. O publico, pulou, abriu roda, se emocionou e se esbaldou com um show cheio de hits como Learning to Fly, The Sky Is a Neighborhood, Pretender, My Hero, Best of You, Times Like These, Monkey Wrenche e Everlong, que sempre encerra os shows da banda.

Baú do Rock

About the Author: Tomaz Sussekind

Tomaz Sussekind