A Semana no Baú – sua versão escrita de nosso podcast

E aí, sentiram falta do nosso podcast? Dois meses sem notícias, mas estamos bem… sobrevivemos aos excessos de final de ano e nossa semana virou 21 dias para esse podcast. O Podcast você pode ouvir aqui:

http://baudorock.net/podcast/resumao-das-semanas-de-06-a-24-01-2020/

Mas se você é do tipo que gosta de ler ou não gosta da minha voz, o conteúdo completo está abaixo.

Então vamos lá, falar um pouco sobre o que andou rolando no Mundo do bom e velho rock’n’roll, incluindo notícias que vocês já viram no nosso site www.baudorock.net (não acessaram o site ainda? Então corre, que está cheio de novidades do rock por lá).

Começamos com mais um caso de rockeiros malvadões: Bon Jovi abriu mais uma unidade de sua franquia de restaurantes sem fins lucrativos, agora na Universidade de Rutgers, em Newark, Nova Jersey. O conceito do restaurante é o seguinte: o menu não tem preço, mas cada visitante é convidado a fazer uma doação de U$ 20, o que, teoricamente, pagaria por duas refeições: uma para o comensal e outra para ser servida a quem não tem condições. Se a pessoa não tem condições de fazer a doação, então é convidada a fazer algum tipo de voluntariado no restaurante como forma de troca. Até hoje já foram servidas mais de 105 mil refeições, das quais mais de 55 mil foram pagas com doações, e as outras 50 mil com voluntariado! https://jbjsoulkitchen.org/

Ozzy Osbourne esteve no topo das notícias dessa semana depois que ele e sua esposa Sharon deram uma entrevista ao Good Morning America no último dia 21 e revelaram a luta do Príncipe das Trevas contra o mal de Parkinson. Ainda que em nível moderado, a doença pode impactar na habilidade de Ozzy de cumprir sua agenda de shows em 2020. No site do Baú tem a matéria completa sobre esse assunto: http://baudorock.net/2020/01/aos-71-anos-ozzy-esta-com-mal-de-parkinson-estagio-2/

Quem também estampou as manchetes foi o Pearl Jam com seu novo single “Dance of the Clairvoyants”, algo como “A dança dos clarividentes”, música estranha que vai demorar um pouco pra gente digerir, em que Eddie canta estar apaixonado pelos clarividentes, pois eles não são desse mundo e soa um pouco desapontado com a humanidade e a falta de compreensão. A conferir se o resto do disco vem nessa mesma pegada de Talking Heads, como escreveu o Tomaz em sua resenha para o Baú do Rock. http://baudorock.net/2020/01/pearl-jam-lanca-musica-inedita-com-um-estilo-diferente-do-padrao/

Outra banda que vem com novo disco por aí é o Foo Fighters. Dave Grohl deu uma entrevista semana passada falando sobre o novo álbum, que está quase pronto e que está surpreendendo até mesmo os integrantes da banda.

Para mim, a notícia dos últimos dias foi o anúncio da volta de James Hetfield, finalmente saindo da clínica de reabilitação onde ficou depois de cancelar o tour por Austrália e Nova Zelândia. O retorno será na apresentação de sua coleção de carros usados na Petersen Automotive Museum, em Los Angeles, no dia 30 de Janeiro, como pode ser visto no site do Baú: http://baudorock.net/2020/01/james-hetfield-ja-tem-data-para-voltar/

E o Guns, hein? O Sr. Saul Hudson, mais conhecido por Slash, deu uma longa entrevista ao site guitar.com, falando da nova coleção de guitarras lançadas pela Gibson com o seu nome. A mais barata, a Slash Les Paul Standard Eastman SB59 custa £ 1.599 ou aproximadamente R$ 8.700. A mais cara? Slash J-45 Standard, pela bagatela de £ 5.725 ou R$ 31.300! Se você tem alguns trocados na carteira aí, mada bala! Além disso, ele falou sobre o futuro do Guns N´ Roses, dizendo que tem material já gravado para montar um novo álbum, que seria o primeiro com os componentes originais desde 1993, com The Spaghetti Incident. A questão principal, segundo Saul, quer dizer, Slash, é a forma como a indústria da música está organizada hoje em dia. A banda não sabe ainda qual a melhor forma de produzir e distribuir o material. Segundo ele, muita gente tem sugerido lançar um disco, como nos bons e velhos tempo enquanto outro punhado de gente reconhecendo que nem sabem mais o que é comprar um disco hoje em dia. O que vocês acham?

Roger Waters confirmou um novo tour nos EUA, com ingressos começando a serem vendidos no dia 31 de Janeiro. A gira americana vai ocorrer de Julho a Agosto, começando em Pittsburgh e terminando em Dallas. Segunto o Rogérião da massa, será um novo show, chamado This is not a Drill (ou algo como Não é uma simulação)

No lado triste do nosso podcast, tivemos algumas perdas importantes nas últimas semanas. Neil Peart, baterista do Rush,  nos deixou após uma longa luta contra o câncer. Depois perdemos Ray Burton, pai do baixista Cliff, que havia partido em 1986. E nessa semana se foi Terry Jones, co fundador do Mont Python e diretor de várias produções do grupo. 

Frase da semana: “Weedcom é um festival onde os fornecedores de maconha se juntam para divulgar seus produtos. Eu espero conseguir algumas amostras grátis”. Robbie Krieger, guitarrista do The Doors, um dos artistas que participaram do WeedCom Wonderland, em Hollywood, nos dias 23 e 24 de Janeiro.

Notícia aleatória: Gene Simons viralizou na rede no começo do ano ao colocar gelo em sua tigela de cereais no café da manhã, com a pergunta: quem mais coloca gelo nos cereais? Nick Simmons, seu filho comentou na postagem, dizendo que já se vão 30 anos que eu o vejo fazendo isso! 30 anos! Essa é a minha vida!

Por hoje e só, velhinhos e velhinhas!!! Gostaram de nosso podcast? Não esqueçam de visitar o site do bau em baudorock.net para ficarem bem informados de tudo o que acontece pelo mundo do rock. Tchau, galera e let’s rock.

Baú do Rock

About the Author: Luiz Totti

Avatar